O início da construção de uma obra exige planejamento, cronograma e execução. Nesse meio tempo, alguns imprevistos acontecem, porém há situações que são possíveis de evitar. Um exemplo é o atrito com vizinhos devido ao início de uma construção.

 

Esse tipo de conflito pode surgir devido a um impacto nos imóveis ocasionado pelo novo empreendimento. Isso significa que não houve uma averiguação das construções vizinhas à obra para evitar problemas e prejuízos.

 

A boa notícia é que existe a vistoria cautelar de vizinhança que permite evitar essas dores de cabeça. Com o laudo de vistoria em mãos, você sabe exatamente como impedir que os problemas aconteçam.

 

Para entender melhor sobre isso, neste artigo detalhamos tudo o que você precisa saber sobre a Vistoria Cautelar de Vizinhança. Confira!

 

O que é Vistoria Cautelar de Vizinhança?

 

A Vistoria Cautelar de Vizinhança é uma atividade que analisa as condições dos imóveis próximos ao empreendimento que será construído. Dessa forma, é possível constatar diversos aspectos estruturais para resguardar os patrimônios alheios.

 

Esse processo é feito antes do início da obra. Isso significa que se a construtora, gestor ou proprietário receber uma reclamação de impacto ocasionado pelo empreendimento, será capaz de averiguar se o problema já existia antes ou surgiu depois da construção.

 

Para que serve a Vistoria Cautelar de Vizinhança?

 

Como você viu anteriormente, a Vistoria Cautelar de Vizinhança serve para preservar a segurança física dos imóveis vizinhos e também da nova obra.

 

É uma prova pericial exigida pela norma ABNT NBR 12.722 e ABNT NBR 15.575 para evitar acidentes e eventuais situações judiciais. Ou seja, de extrema importância para qualquer construtora ou incorporadora que preza pelo sucesso de uma obra do início ao fim.

 

Além disso, caso a construção venha a prejudicar algum imóvel vizinho, a vistoria garante indenização à pessoa que foi afetada.

 

Como é feita a Vistoria Cautelar de Vizinhança?

 

A vistoria, também conhecida como Laudo Cautelar de Vizinhança, é iniciada a partir de um agendamento para o perito responsável ir até o local, realizar uma ampla descrição da construção e captar todos os detalhes necessários dos imóveis vizinhos.

 

Além do checklist de informações, também são registradas diversas fotos com câmeras e drones para constituir um memorial fotográfico.

 

Geralmente, a atividade é feita em conjunto com os moradores ou proprietários dos empreendimentos, principalmente para explicar as necessidades do trabalho, tirar eventuais dúvidas e mostrar que isso será uma garantia para todos.

 

Após a coleta e todos os registros, é feito um laudo cautelar de cada um dos imóveis averiguados, o qual será enviado para os respectivos vizinhos e também para o construtor.

 

Os aspectos analisados na vistoria

 

Durante a Vistoria Cautelar de Vizinhança é visto diversos fatores para a realização do laudo, sendo que os principais são:

 

  • Dimensões do imóvel;
  • Vazamento e/ou infiltrações;
  • Condições aparentes das instalações hidráulicas e elétricas;
  • Pintura;
  • Rachaduras;
  • Pisos, revestimentos e forros;
  • Janelas e portas.

 

Com essas informações, o profissional habilitado realiza o detalhamento a fim de descrever a situação atual de cada imóvel e alertar sobre possíveis falhas, antes mesmo do início da obra.

 

Quanto custa a Vistoria Cautelar de Vizinhança?

 

O custo para fazer a Vistoria Cautelar de Vizinhança é relativo, pois depende da quantidade de trabalho necessário, quantidade dos imóveis vistoriados e do contratante, entre outros fatores. Entretanto, o custo é muito baixo considerando o risco de precisar reformar um imóvel inteiro.

Por isso, o valor depende e não há como falar com exatidão um número. O mais recomendável é entrar em contato com uma empresa de engenharia de avaliações e realizar o orçamento.

 

Quem faz a Vistoria Cautelar de Vizinhança?

 

Arquitetos, engenheiros civis ou agrônomos formados são responsáveis por fazer a vistoria, especialmente os que apresentam experiência com avaliação de imóveis e perícias de engenharia.

 

O laudo deve estar acessível para todas as pessoas envolvidas no processo. Segundo o IBAPE (Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia), o ideal é que o laudo cautelar tenha registro em cartório, duas vias e assinatura do construtor ou proprietário da obra e da pessoa responsável pelo imóvel vistoriado.

 

E quem pode solicitar a vistoria?

 

A Vistoria Cautelar de Vizinhança pode ser solicitada pela construtora, proprietário-construtor ou até mesmo um vizinho.

 

Faça a sua Vistoria Cautelar de Vizinhança com a DLR!

 

Percebeu como uma obra exige uma análise preliminar para que a execução do trabalho seja feita com segurança e tranquilidade? Por isso, é muito importante contar com profissionais qualificados para te ajudar a construir um empreendimento com todos os direitos de obra e vizinhança.

 

A DLR Engenharia de Avaliações possui arquitetos, engenheiros e agrônomos altamente capacitados para realizar a sua vistoria cautelar de vizinhança. Somos especialistas em avaliação de imóveis e elaboração de laudos para diferentes necessidades. Temos profissionais em São Paulo e em todo o país.

 

Então, se você está em busca de uma empresa especialista nesse tipo de vistoria, saiba que encontrou neste artigo!

Que tal obter mais informações e marcar uma reunião conosco? Entre em contato e conheça tudo sobre nossos serviços!

Estamos prontos para te atender. Vem com a DLR!